O adolescente que teve a testa tatuada após ser acusado de furto no ABC em 2017, foi preso por furto em São Paulo.

Ruan Rocha da Silva, 18, teve a frase “eu sou ladrão e vacilão” tatuada na testa após uma tentativa de furto, em 2017 foi preso em flagrante neste sábado (24) após furtar desodorantes de um supermercado em Mairiporã, na Grande São Paulo.

Ruan foi abordado na saída do supermercado e descoberto tentando furtar os cinco desodorantes. De acordo com a Polícia Civil de Mairiporã, Ruan foi liberado após pagar uma fiança no valor de R$ 1 mil. Ele vai responder pelo crime em liberdade.

Portal do Tossinha com UOL.