Foto / Portal do Tosinha

NATUREZAS — SEQUESTRO E CARCERE PRIVADO / AMEACA / SEQUESTRO E CARCERE PRIVADO / VIAS DE FATO / LESAO CORPORAL

Data/Hora Registro: 15/05/20 / 16:32h

Endereço: AVENIDA ANTONIO DOS SANTOS NETTO

Município: JANDAIA DO SUL

Bairro: UNIVERSITARIO

DESCRIÇÃO: QUE APÓS SOLICITAÇÃO VIA APLICATIVO VIA 190 DE QUE UMA MULHER HAVIA JOGADO UM BILHETE EM VIA PÚBLICA PEDINDO SOCORRO E QUE SEU NETO ESTAVA LOUCO, QUE PODERIA ATENTAR CONTRA A SUA VIDA E AS PESSOAS NO INTERIOR DA RESIDÊNCIA.

ESSA EQUIPE POLICIAL MILITAR DESLOCOU ATÉ O ENDEREÇO ACIMA CITADO ONDE PELA JANELA DO QUARTO A SRA. R. E L., ESTAVA PEDINDO SOCORRO POIS RELATARAM QUE ESTAVAM PRESAS NO QUARTO NO INTERIOR DA RESIDÊNCIA, INFORMARAM QUE A PESSOA DE G. HAVIA TRANCADO A PORTA. DE IMEDIATO ESSA EQUIPE POLICIAL VERBALIZOU COM G. QUE ESTAVA NA SALA ONDE FOI SOLICITADO QUE ELE ABRISSE A PORTA DA COZINHA QUE FOI ACATADO DE IMEDIATO.

SENDO REALIZADO BUSCA PESSOAL, PORÉM NADA DE ILÍCITO FOI ENCONTRADO. ESSA EQUIPE POLICIAL ENTROU RESIDÊNCIA ONDE A PORTA JÁ SE ENCONTRAVA ABERTA, ABERTA POR G. MOMENTO ANTES DA ABORDAGEM.

QUE A SENHORA L. GENITORA DE G. RELATOU QUE NA DATA DE 15/05/20 HOUVE UM DESENTENDIMENTO COM SEU FILHO POR MOTIVOS FÚTEIS QUE NA SEQUENCIA FOI AGREDIDA POR G. COM SOCOS E EMPURRÕES, JÁ A SUA FILHA N. INFORMOU QUE G. CHUTOU A SUA PERNA DIREITA CAUSANDO UM PEQUENO HEMATOMA.

A SRA. R. JUNTAMENTE COM A L. E N. RELATARAM QUE ESTAVAM PRESAS NO INTERIOR DO QUARTO DESDE 13H00MIN DESTE DIA. QUE EM DETERMINADO MOMENTO G. DIZIA QUE NINGUÉM IRIA SAIR DO QUARTO E DEPOIS DIZIA QUE L. NÃO IRIA SAIR DO QUARTO COM VIDA, POIS IRIA MATÁ-LA.

AS VÍTIMAS RELATARAM QUE DURANTE A SITUAÇÃO DE CÁRCERE O AUTOR HAVIA PEGADO E ESCONDIDO OS APARELHOS CELULARES, PARA QUE NÃO FIZESSEM NENHUM TIPO DE CONTATO EXTERNO.

QUE DIANTE DO INTERESSE EM REPRESENTAÇÃO DAS VÍTIMAS FOI DADA VOZ DE PRISÃO, ONDE FOI EMPREGADO O USO DE ALGEMAS PARA PRESERVAR A INTEGRIDADE FÍSICA DO AUTOR COMO TAMBÉM DESSA EQUIPE POLICIAL.

A EQUIPE DA DEFESA CIVIL TENDO OS AGENTES PADILHA E DIEGO E SD. ANDERSON, PRESTARAM APOIO NA OCORRÊNCIA. QUE G. RECUSOU QUALQUER TIPO DE ATENDIMENTO MÉDICO.

ELE FOI ENTREGUE NA DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DE JANDAIA DO SUL PARA PROCEDIMENTOS. FOI REALIZADO APREENSÃO DO BILHETE COM OS SEGUINTES PALAVRAS

“PEDRINHO PRECISAMOS DE SOCORRO LIGA PARA A POLÍCIA MEU NETO G. TA DOIDO”.

A SRA. R. NÃO CONSEGUIU ACOMPANHAR ESSA EQUIPE ATÉ A LAVRATURA DO BOU, POIS SEGUNDO ELA HAVIA REALIZADO UM PROCEDIMENTO CIRÚRGICO RECENTE.

OBS: O REFERIDO BILHETE FOI PEGO PELO SR. P. QUE É VIZINHO DAS VÍTIMAS.

Compartilhe o post com seus amigos!