Anúncios

Valéria procurou o Portal do Tossinha para contar um pouco de sua história e de como sua mãe se envolveu com seu pai.

Ela nunca soube quem é seu pai e tem esperanças de conhece-lo, abaixo ela conta sua história e de como sua mãe conheceu seu pai.

“Olá! Meu nome é Valéria, tenho 29 anos e sonho em conhecer meu pai, minha história começa assim; Em 1986, em Kaloré, a Copel fazia instalações de energia na cidade com o programa CLIC RURAL, e para efetuar as instalações dos postes, a empresa contratou uma empreiteira que segundo uma pessoa que fornecia alimentos para eles, tinha o nome de ISTANJAU ou ISTAJAN, pois ela era de Jandaia do Sul.

Está firma ficou na cidade de Kaloré, três meses, tempo suficiente para minha mãe EVA ANTÔNIA GONÇALVES, conhecer e se relacionar com um dos funcionários, mais precisamente com o motorista da empresa, o JOSÉ ROBERTO, que é meu pai.

Ele levava os homens para trabalhar, levava almoço e à tarde os buscavam. Eles ficaram acomodados em um armazém perto do preazinho onde minha mãe se encontrava com ele todas as noites.

Minha mãe não sabe o sobrenome dele, o que dificulta um pouco as coisas. Assim que terminaram as instalações, a empresa foi embora, passados alguns dias minha mãe, descobriu que estava grávida e não sabia ir atrás do meu pai.

Ele disse a ela que morava em Marialva e trabalhava para uma firma de Jandaia, mas ela sendo analfabeta não saberia viajar até lá para dar a notícia a ele, então ela resolveu me criar sozinha, mas minha mãe, não foi a única a ficar nesta situação, e teve também uma mulher que se envolveu e casou com um deles que teria o nome de BENEDITO FLORIANO DE BARROS.

Eles tiveram um casal de filhos, mas hoje eles já não são mais casados e eu tive a informação que o mesmo reside em Apucarana. Tentei buscar informações, mas a ex mulher dele disse que seu filho não a permitia dar informações, então não consegui chegar até o BENEDITO, para pedir alguns detalhes.

Então eu venho através desta, pedir que se alguém souber de qualquer coisa, qualquer informação que possa me ajudar, que me mande uma mensagem, pois as vezes, qualquer informação pode fazer com que um sonho de 29 anos, vire realidade. Meu WhatsApp é 43 98486 3745″ diz a mensagem de Valéria.

Compartilhe o post com seus amigos!