Foto / Portal do Tossinha

Por volta das 03:00h desta madrugada de sábado (02) a Polícia Militar foi acionada para dar atendimento a uma ocorrência de queda de mesmo nível e possível óbito.

Uma unidade da Polícia Militar se deslocou até a Rua Maravilhas no Jardim das Flores onde foi constatado os fatos, no local uma equipe do SAMU já se encontrava no local dando atendimento.

Segundo informações o Sr. Hélio Daniel de 71 anos de idade foi trazido por três homens carregado por volta de 02:00h. Segundo a esposa de seu Hélio, os homens trouxeram o idoso o deixaram em uma cadeira e foram embora.

A esposa do idoso que tem deficiência auditiva deu banho no nele, após o banho um filho tentou levar o idoso para dentro de casa e coloca-lo na cama. Mas em dado momento o filho não suportou o peso e deixou o idoso no chão da cozinha. Após este fato o SAMU foi acionado para dar atendimento, mas na chegada da equipe só puderam constatar o óbito.

A Polícia Civil foi acionada para dar atendimento a esta ocorrência, após pericia foi identificado um pequeno furo na parte de cima da cabeça de seu Hélio, furo este por onde o idoso perdeu muito sangue que pode ter causado o óbito por hemorragia.

A Polícia Militar isolou o local até a chegada da Polícia Civil que fez todos os levantamentos e liberou para o Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana para fazer a remoção do corpo.

Devido ao idoso chegar com o furo na cabeça e haver muito sangue, a primeira informação é de que o mesmo teria sofrido uma pancada na cabeça, sendo um possível homicídio. Após o levantamento da pericio foi constatado que o idoso teria batido a cabeça em algo pontudo, mas somente após perícia do médico legista no IML poderá apurar a verdade causa do ferimento. O Idoso deixa mulher e 5 filhos.

Compartilhe o post com seus amigos!