(FOTO: REPRODUÇÃO PORTAL BEBÊ MAMÃE)

Malaki não resistiu e faleceu depois de três dias em decorrência de uma infecção generalizada

Anúncios

Por RIC Mais

Uma criança morreu logo depois de um médico confundir meningite com o nascimento de um dente em Perth, na Austrália. De acordo com o portal Bebê Mamãe, os profissionais disseram que a dor do menino era normal.

A morte da criança, de apenas sete meses, aconteceu após três médicos diferentes confundirem os sintomas do pequeno Malaki Paraone.

Médico confunde meningite com nascimento de dente

No início, a criança começou a apresentar uma vermelhidão na pele, febre e coceira no corpo, o que fez com que seus pais o levassem ao hospital.

No local, o primeiro médico afirmou que os sintomas eram apenas do nascimento dos dentinhos da criança. Entretanto, não houve melhora no quadro da criança.

Preocupados, os pais levaram o bebê a outro hospital, e novamente outro profissional disse que ele estava com sintomas dos dentes nascendo.

(FOTO: REPRODUÇÃO PORTAL BEBÊ MAMÃE)

mesmo aconteceu com o terceiro hospital que os pais da criança o levaram.

Criança foi levada ao hospital quatro vezes

Tratando os sintomas com paracetamol e sem sinais de melhora, os pais levaram Malaki a um quarto hospital, onde os médicos finalmente acertam o diagnóstico: era meningite.

Apesar da descoberta, Malaki não resistiu e faleceu depois de três dias em decorrência de uma infecção generalizada.

De acordo com o médico William Holloway, um dos profissionais que atendeu Malaki, o fato do bebê ter sido levado a diferentes locais pode ter feito com que demorasse mais para o diagnóstico.

Além disso, o médico sugeriu que o ideal seria que as crianças fossem tratadas pelo mesmo hospital para evitar este tipo de erro.

*Este conteúdo foi elaborado a partir da matéria publicada originalmente no portal Bebê Mamãe