Anúncios

Na última segunda-feira, 29 de março, a Cocari realizou a 132ª Assembleia Geral Extraordinária (AGE) e a 133ª Assembleia Geral Ordinária (AGO), transmitidas de forma on-line aos cooperados, respeitando as determinações sanitárias para controle da pandemia de Covid-19. As Assembleias foram promovidas no auditório Dr. Oripes Rodrigues Gomes, na Sede da Cocari, em Mandaguari-PR. Assim como nas versões presenciais, os cooperados puderam participar por meio de manifestações e voto.

AGE  Na Assembleia Geral Extraordinária, que teve início às 9h, foram referendados como presidente da cooperativa, Dr. Marcos Antonio Trintinalha, e como vice-presidente, João Carlos Obici, com índice de 98% dos votos. Além disso, foi autorizada a seleção e a contratação do diretor executivo, bem como a reforma estatutária.

Modalidade on-line – Dr. Marcos Trintinalha destacou que as Assembleias on-line permitiram que um número maior de cooperados pudesse participar, chegando a registrar 700 pessoas de forma simultânea, inclusive de associados que moram em regiões distantes de Mandaguari, onde fica a Sede da cooperativa.

História de trabalho – Durante os anos de trabalho junto a Vilmar Sebold, Trintinalha e Obici participaram do desenvolvimento de novas alternativas no intuito de fazer o melhor para toda a cooperativa e, neste momento, solicitam apoio aos cooperados. “Aos cooperados, deixo a mensagem para que venham participar das reuniões, do Conselho Estratégico, para que tragam informações e sugestões. Vamos buscar as melhores soluções para os produtores junto a nossa equipe e reforço que essa gestão dará continuidade ao trabalho que já vinha sendo feito na gestão anterior”, enfatizou.

Crescimento contínuo – O vice-presidente, João Carlos Obici, agradeceu a participação significativa dos associados nas Assembleias e comentou sobre o projeto de sucessão na direção da cooperativa. “Temos um trabalho muito sério de sucessão na cooperativa. O sr. Vilmar é um grande parceiro e profissional e temos agora a responsabilidade de dar continuidade ao excelente trabalho desenvolvido junto com ele. Neste momento, precisamos do apoio de nossos associados e colaboradores, para fazer com que o crescimento dos últimos vinte anos tenha prosseguimento. Temos uma história de sucesso, mas a participação ativa de todos os associados é essencial”, destacou.

AGO – Na sequência à AGE, foi realizada a Assembleia Geral Ordinária e nela foram deliberadas a prestação de contas referentes ao exercício de 2020, a destinação de sobras, a apresentação do orçamento para 2021 e a eleição do Conselho Fiscal, em que concorreram duas chapas, sendo vencedora a Chapa 1, com 82% dos votos.

Eleição do Conselho Fiscal – Confira os nomes dos conselheiros eleitos.

Membros efetivos:

Antonio Marcos Sossai, de Kaloré-PR

Aguinelo Luiz Feltrin, de Itambé-PR

Paulo Paggi Júnior, de Mandaguari-PR

Membros suplentes:

João Carlos Barison, de Aquidaban-PR

Osmar Rati, de Ortigueira-PR

Juliano Aparecido Sacheta, de São Pedro do Ivaí-PR

Mudança na presidência – O ex-presidente da Cocari, Vilmar Sebold, realizou a entrega de um timão ao presidente eleito, Dr. Marcos Antonio Trintinalha, para representar a passagem da condução da Cocari, repetindo o gesto do sr. Dorival Malacario, quando Sebold assumiu a presidência da cooperativa. “Peço que esse timão fique sempre na cooperativa para que as pessoas que assumirem a sua presidência o recebam”, sugeriu. Sebold falou sobre os excelentes resultados obtidos pela cooperativa. “Atualmente, a Cocari tem previsão de faturar R$ 3,5 bilhões em 2021. Estamos em regiões novas do Cerrado e dos Campos Gerais, no estado do Paraná e é importante destacar que as superações pelas quais passamos sempre aconteceram com muitas pessoas trabalhando junto conosco. Cumprimento o Marcos e o João Carlos pela eleição que acabou de acontecer e desejo sucesso nessa nova etapa”, disse.

Virtudes necessárias – O ex-presidente Dorival Malacario se colocou à disposição da diretoria para ajudar. “Sempre tratei nossos colaboradores como amigos, assim como fui tratado pelo Dr. Oripes Rodrigues Gomes, e eles me ajudaram muito a dirigir a cooperativa. A emoção é grande por pensar naquilo que passou e naquilo que conseguimos realizar, sempre visando o bem da cooperativa, cooperados, colaboradores e comunidades. Quero agradecer a todos aqueles que estiveram ao meu lado e farei um pedido como já fiz aos outros diretores. Dirijam com ética, serenidade e honestidade, com aquilo que o Dr. Oripes fez com que eu me apaixonasse por essa cooperativa. Estarei presente no que eu puder ajudar”, concluiu.

Ano de superação – O presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, declarou o apoio à cooperativa também nessa nova gestão. “Hoje a Cocari é uma grande cooperativa do Brasil, tem um futuro brilhante pela frente e já está estruturada. Parabenizo a cooperativa pelos resultados alcançados. O cooperativismo do Paraná se superou em 2020. Conseguimos dar a segurança necessária ao setor da agroindústria e não foi preciso parar as atividades. Atualmente, a sociedade reconhece a importância do cooperativismo no abastecimento de insumos, no transporte e na saúde. Nunca ficou tão evidente a importância do cooperativismo”, comentou.

Perspectivas para 2021 – Segundo Ricken, para 2021, é esperado um ano intenso de trabalho e de luta para manter a saúde e lidar com os reflexos da pandemia na economia. “Torcemos para que haja uma reforma política e tributária para desonerar a produção e manter a produtividade. Além disso, aproveitaremos as oportunidades trazidas pelo reconhecimento do Paraná como área livre de febre aftosa sem vacinação e sem peste suína clássica, o que abrirá mercados a nível internacional”, acrescentou.

Nova atividade – O presidente Dr. Marcos Antonio Trintinalha falou sobre o novo projeto para abate de peixes que a cooperativa inicia este ano. “Acabamos de assinar a criação de um abatedouro de peixes no município de Alvorada do Sul-PR, onde iniciaremos o abate de tilápias, em parceria com a Cooperativa Central Aurora Alimentos, utilizando a ração da nossa indústria. Trata-se de mais uma ação para vislumbrar a continuidade e o desenvolvimento da cooperativa”, avaliou.

Agradecimentos – Trintinalha registrou também seus agradecimentos. “Gostaria de agradecer a Deus por estar à frente dessa cooperativa que eu aprendi a amar, porque conheci muitas pessoas que vivenciaram a história da cooperativa. Aos meus familiares, pelo apoio. Ao Vilmar, pela oportunidade oferecida em 2005, quando me convidou para ajudar a construir a Cocari. Agradeço a todos os colaboradores e assessores, pelo apoio para que as Assembleias acontecessem. E principalmente aos associados, que não mediram esforços para participar deste momento, confiando nas pessoas que aqui estão. Tenham certeza de que vamos juntos buscar sempre o que for melhor para a Cocari. Vamos cuidar da saúde e ter força para continuar trabalhando da melhor forma possível. Estamos sempre à disposição para que os cooperados nos procurem e para trabalhar junto a eles, que são os reais donos dessa estrutura”, disse.

(Imprensa Cocari)

Compartilhe o post com seus amigos!