Foto: Reprodução/Newsflash

A cadela foi encontrada na rua lutando para se mover e coberta de sangue após o chocante ataque de bestialidade

Anúncios

Uma cachorra morreu depois de ser estuprada por integrantes de um gangue e levar cerca de 30 facadas. A cadela foi encontrada em situação desesperadora nas ruas de Bogotá, na Colômbia, e chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

Os veterinários que atenderam a cadela constataram que ela havia dado à luz uma ninhada de filhotes poucos dias antes de ser estuprada.

Marta Buitrago, a moradora que a encontrou, disse ao jornal El Tiempo que o animal parecia ferido e muito fraco.

Já outra mulher, Liliana Guerrero, compartilhou fotos e vídeos no Facebook e dizia que a cachorra “foi esfaqueada várias vezes e abusada sexualmente por várias pessoas”. Ainda conforme o relato, a cadela sofreu golpes de faca porque reagiu, na tentativa de se livrar dos estupradores.

“Eles destruíram seus órgãos genitais, esfaquearam quase 30 vezes, deram socos e causaram outros ferimentos superficiais”, continuou Liliana.

Ela acrescentou que se sentiu incapaz de transmitir a “enorme tristeza e desamparo que sinto” após a trágica morte do animal.

Ric Mais

Compartilhe o post com seus amigos!